• Share to Facebook
    • Twitter
    • Email
    • Print

September 16, 2011

Nossas Receitas Favoritas

Refeições sem carne ao redor do mundo

Guia HSI para uma Alimentação sem Carne

  • N.G. Jayasimha. HSI

  • Jo Swabe. HSI

  • Gabriela Duhart. HSI

  • Elissa Lane. HSI

A alimentação vegetariana não apenas ajuda a reduzir o sofrimento animal, mas também pode ajudar a sua saúde e o meio ambiente.

Independentemente de onde você vive, está mais fácil do que nunca deixar a carne fora do prato. Quer você esteja jantando fora ou em casa, cada cultura oferece uma variedade de opções vegetarianas saudáveis e deliciosas.

Confira o que o pessoal da HSI ao redor do mundo tem a dizer sobre o vegetarianismo em seus países natais e experimente suas receitas sem carne favoritas!

Cindy Dent, diretora regional para a América Latina, Costa Rica

"Encontrar opções variadas para os vegetarianos na Costa Rica é fácil e agradável, principalmente se considerarmos a grande variedade de frutas e legumes disponíveis durante todo o ano. Há restaurantes vegetarianos abrindo pelo país, e mesmo em restaurantes onívoros encontramos frequentemente algumas opções vegetarianas. E claro, pedir substituições é raramente um problema"!

Gallopinto (Arroz e Feijão)

1/2 cebola pequena, em cubos
2 dentes de alho, bem picados
1/2 de um pimentão vermelho ou verde, em cubos
2 colheres de sopa de óleo
1 1/2 xícaras de arroz branco ou integral
3/4 a 1 xícara de feijões pretos com caldo
1/4 xícara de coentro

1. Refogue a cebola no óleo quente até ficar transparente, adicione o pimentão e o alho picados.
2. Acrescente o arroz até que fique aquecido. Quando o arroz estiver quente, adicione o feijão com caldo e refogue, misturando por aproximadamente 10 minutos.
3. Adicione o coentro bem picado.

N.G. Jayasimha, gerente de campanha, Índia

"Ser vegetariano na Índia é muito fácil. Pode-se encontrar restaurantes "totalmente vegetarianos" em todo o país. Na Índia, o ovo não é considerado vegetariano, assim os restaurantes "totalmente vegetarianos" nem sequer usam ovos! Todos os alimentos pré-embalados exibem um "ponto verde" ou um "ponto vermelho": o ponto verde indica que a comida é vegetariana, enquanto o ponto vermelho significa que contém produtos com carne ou ovo. No entanto, os veganos devem verificar os ingredientes para garantir que o alimento não contém produtos lácteos".

Akki Rotti (Arroz Rotti)

1 xícara de farinha de arroz
1 xícara de coco em flocos
1/2 colher de chá de sementes de cominho
2-3 pimentas verdes (bem picadas)
Um pedaço pequeno de gengibre (bem picado)
sal, a gosto
1 pitada de assafétida
3 colheres de sopa de folhas de coentro (bem picadas)
Opcional: 2 cebolas (bem picadas)

1. Misture todos os ingredientes acima, utilizando água suficiente para formar uma massa firme.
2. Faça bolas do tamanho de laranjas com a massa e achate-as (usando as mãos) para formar um fino "rotti" (de forma arredondada) sobre uma folha de plástico, usando um pouco de óleo.
3. Aqueça uma frigideira plana e coloque nela a massa. Derrame uma colher de chá de óleo ao redor do "rotti".
4. Tampe a panela com uma tampa e deixe cozinhar por alguns minutos, até que a superfície inferior da massa doure e se torne crocante, enquanto o lado de cima está mais macio.
5. Retire do fogo e sirva quente com um chutney.
Opcional: Adicione cebolas bem picadas à farinha de arroz antes de misturá-la com a água.
Variação: Ao invés de farinha de arroz, use farinha de milho.

Jo Swabe, diretora, HSI Europa

“A dieta europeia tradicional, particularmente no norte do continente, tende a ser fortemente baseada em carne e produtos lácteos. Assim, em alguns Estados-Membros da UE, pode ainda ser um pouco dificil encontrar (boa) comida vegetariana, principalmente fora das cidades maiores. Felizmente, a cozinha mediterrânea oferece sempre uma boa saída para os vegetarianos com suas maravilhosas massas, legumes e pratos à base de feijões. Os vegetarianos também se beneficiam grandemente das tradições culinárias de imigrantes de todos os cantos do mundo que se instalaram na Europa durante o último século".

Macarrão com Pesto de Tomates Secos e Hortelã

1/3 de xícara de tomates secos em óleo (escorrido)
1/4 de xícara de nozes
1/4 de xícara de folhas frescas de hortelã
2 colheres de sopa de azeite (extra virgem)
2 colheres de sopa de extrato de tomate
2 dentes grandes de alho, bem picados
Sal e pimenta preta moída na hora, a gosto
340 g de macarrão curto (ex.: penne, farfalle, etc.)

1. Coloque o tomate seco, as nozes, hortelã, azeite, extrato de tomate, alho (bem picado), sal e pimenta em um processador e bata até ficar homogêneo.
2.Cozinhe o macarrão até que esteja al dente, depois escorra.
3. Coloque a massa de volta na panela e depois acrescente o pesto.
4. Sirva quente com uma salada verde ou legumes verdes cozidos, como feijão verde ou brócolis.

(Adaptado de Vegan Italianopor Donna Klein)

Gabriela Duhart, consultora HSI, México

"Comer pratos vegetarianos pode ser bastante fácil no México, embora possa parecer o contrário. A maioria dos restaurantes tem pratos que não incluem carne ou que podem ser preparados sem ela. Embora existam muitos pratos com queijo, geralmente há também maneiras de prepará-los sem nenhum laticínio. Temos a sorte de ter muitos vegetais frescos e alimentos vegetarianos nutritivos como as folhas de cacto, cogumelos, nozes e feijão".

Tostadas (Tortillas tostadas ou fritas com feijão e cobertura vegetariana)
 
tostadas
feijão
alface (picado)
tomate (fatiado)
salsa
tofú temperado (firme)

Você pode comprar as tostadas no supermercado e fritar ou tostar as tortillas em casa.
Adicione purê de feijão, alface, tomate, salsa e tofú polvilhado por cima e bom apetite!
Você também pode adicionar outros legumes nas tostadas!

Mais receitas

Confira o Guia HSI para uma Alimentação sem Carne

Traduzido com a colaboração de Graziella Gallo