• Share to Facebook
    • Twitter
    • Email
    • Print

January 26, 2015

Estrela mundial Kesha faz apelo para que Brasil proíba todos os testes de cosméticos em animais

Famosa apoia campanha #Libertesedacrueldade em São Paulo

Humane Society International, Be Cruelty-Free

  • Kesha signs the Be Cruelty-Free pledge before her concert in Sao Paulo, Brazil on 25 Jan. 2015. Felipe di Pietro/HSI

  • Kesha poses with HSI's Helder Constantino as she signs the Be Cruelty-Free pledge before her concert in Sao Paulo, Brazil on 25 Jan. 2015. Felipe di Pietro/HSI

Kesha fez um apelo para que o Brasil acabe com todos os testes de cosméticos em animais, dando o seu apoio pessoal à campanha da Humane Society International (HSI) #Libertesedacrueldade para uma proibição completa e sem falhas desses testes. A estrela mundial, que já vendeu cerca de 60 milhões de álbuns em todo o mundo, reservou um tempo ontem durante sua turnê brasileira para atender ativistas da campanha #Libertesedacrueldade nos bastidores do Citibank Hall em São Paulo. Ela assinou a declaração #Libertesedacrueldade e lançou pelo Twitter e Facebook um apelo para que os brasileiros pressionem o Senado a proibir completamente a crueldade cosmética.

Kesha disse: "Os testes em animais são o feio segredo da indústria de beleza, por isso tenho tanta alegria em fazer parte da campanha #Libertesedacrueldade para acabar com esse sofrimento no mundo inteiro. A #Libertesedacrueldade está transformando o mundo, e mais de 30 países até agora já proibiram a experimentação cruel de cosméticos em animais, mas infelizmente o Brasil ainda não é um deles. O maravilhoso povo brasileiro tem mostrado que quer uma proibição completa, sem brechas nem meias-medidas. Agora os políticos precisam ouvir as pessoas e acabar com o sofrimento e a morte de animais indefesos por causa de um novo batom ou xampu. Então vamos, Brasil, mostre ao mundo que você vai ser o próximo país a acabar com os testes de cosméticos em animais, vamos ser #Livredecrueldade!".

Assine a Declaração Mundial Liberte-se da Crueldade.

No início deste ano, deputados federais introduziram um projeto de lei, agora em tramitação no Senado, que promete proibir testes em animais para produtos cosméticos acabados. No entanto, a maioria dos testes de cosméticos em animais é realizada para avaliar a toxicidade dos ingredientes. Portanto o projeto de lei precisa ser alterado para proibir testes de ingredientes em animais também.

Junto com a top model Fernanda Tavares, e agora com a sensação da música mundial Kesha, a HSI está pedindo ao Senado que feche as brechas do projeto de lei para evitar que inúmeros animais continuem a sofrer e morrer em testes de cosméticos.

Helder Constantino, da campanha #Libertesedacrueldade, disse: "Foi uma honra conhecer uma estrela incrível como a Kesha em nome da nossa campanha #Libertesedacrueldade. Ela não só é uma cantora e compositora de enorme sucesso como também é uma defensora dos animais inspiradora. Ela apoia nossos esforços ao redor do mundo já há algum tempo, mas é muito especial tê-la no Brasil defendendo a nossa campanha. Estamos trabalhando duro para garantir que o povo brasileiro não seja iludido com uma lei defeituosa que permite que cosméticos continuem a ser testados em animais. Apelamos para que os senadores aceitem as nossas propostas para uma proibição completa sem meias-medidas".

Pesquisas de opinião mostram que dois terços dos brasileiros apoiam uma proibição nacional em testes de cosméticos em animais e seus ingredientes. Em 2014, o estado de São Paulo introduziu uma proibição desses testes, espelhando as proibições já em vigor nos 28 países da UE, bem como em Israel e na Índia.

#Libertesedacrueldade é a maior campanha do mundo para acabar com os testes de cosméticos em animais e é apoiada pela ARCA Brasil, ProAnima e o Fórum Nacional de Proteção e Defesa dos Animais.

Contato: Helder Constantino, +55 (21) 98342-4163, hconstantino@hsi.org

  • Sign Up
  • Take Action
  • Acabe com os testes em animais para cosméticos no Brasil agora! Submit

Media Contact List2