• Share to Facebook
    • Twitter
    • Email
    • Print

August 13, 2018

Carrefour, maior rede varejista de alimentos do Brasil, se compromete a vender apenas ovos livres de gaiolas

Humane Society International

  • HSI

SÃO PAULO—O Carrefour, maior varejista de alimentos do Brasil, anunciou que venderá exclusivamente ovos livres de gaiolas em todas as suas lojas no Brasil, se tornando a primeira rede de supermercados a assumir esse compromisso. O Carrefour opera quase 650 lojas em todo o país, e completará a transição para ovos livres de gaiolas até 2025 para os ovos da marca Carrefour, e até 2028 para todas as outras marcas de ovos vendidas em seus supermercados.

O anúncio acontece após vários anos de trabalho com a Humane Society International/Brazil (HSI) e conversas com outras organizações como a Mercy For Animals, o Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal e a Animal Equality. O Carrefour e a HSI continuarão a trabalhar juntos na implementação dessa política. Inclusive, já está programado para acontecer este ano, na sede do Carrefour na França, um workshop e um dia de campo para fornecedores de ovos da filial brasileira, com o intuito de compartilhar as melhores práticas e conhecimentos técnicos na produção de ovos livres de gaiolas.

Em sua declaração sobre a nova política, Paulo Pianez, diretor de sustentabilidade e responsabilidade social corporativa do Carrefour no Brasil, afirmou: “Com este compromisso, damos mais um importante passo para promover a sustentabilidade junto à nossa cadeia de fornecimento. Entendemos que, como varejista, temos o papel de criar um elo valioso entre o consumidor e a cadeia produtiva, colaborando para promover mudanças significativas nos hábitos de consumo. ”

Maria Fernanda Martin, especialista em bem-estar animal do departamento de proteção aos animais de produção da HSI no Brasil, declarou: “Aplaudimos o Carrefour por se tornar a primeira rede de supermercados no Brasil a se comprometer a vender apenas ovos livres de gaiolas, e estamos felizes em continuar trabalhando com eles e seus fornecedores para a implementação dessa política. O compromisso irá aliviar milhões de galinhas poedeiras de uma vida de extremo confinamento, além de enviar uma mensagem clara para a indústria de ovos no Brasil, de que o futuro da produção é livre de gaiolas. ”

No Brasil e em outros países, galinhas poedeiras são confinadas por toda a vida em gaiolas de arame—chamadas de gaiolas em bateria. Essas gaiolas são tão pequenas que os animais não podem sequer esticar suas asas completamente. Sistemas de produção de ovos livres de gaiolas tipicamente oferecem maiores níveis de bem-estar animal às galinhas, permitindo que as aves expressem mais comportamentos naturais, podendo se movimentar livremente, botar ovos em ninhos, empoleirar-se e abrir suas asas completamente. A HSI trabalha em conjunto com a indústria alimentícia no Brasil e no mundo, ajudando a garantir uma transição bem-sucedida para sistemas de produção com maiores níveis de bem-estar animal, por meio de visitas técnicas a fazendas, seminários e mesas redondas sobre sistemas livres de gaiolas e a promoção do intercâmbio de melhores práticas na produção.

O Carrefour se une a outros líderes da indústria de alimentos que também se comprometeram a comprar exclusivamente ovos livres de gaiola no Brasil e em toda a América Latina. A Nestlé, maior empresa de alimentos do mundo, e a Unilever se comprometeram com cadeias de abastecimento livres de gaiolas a partir de 2025. Depois de trabalhar com a HSI, Burger King e Arcos Dorados – empresa que opera os restaurantes do McDonald’s no Brasil e em mais 19 países na região – se comprometeram com uma cadeia de fornecimento de ovos 100% livre de gaiolas, como fizeram outras grandes operadoras de restaurantes, totalizando milhares de restaurantes no Brasil e na América Latina. Empresas líderes em serviços de alimentação, incluindo a Compass Group (GRSA), a Sodexo, a Sapore, e o Grupo Lemos Passos também anunciaram políticas de compra exclusiva de ovos livres de gaiolas em parceria com a HSI. A Alsea, maior operadora de restaurantes da América Latina e da Espanha, e o Grupo Bimbo, maior grupo de panificação do mundo, anunciaram políticas livres de gaiolas após vários anos de conversas com especialistas da HSI. Outros líderes da indústria de alimentação e de hospitalidade, como a Kraft-Heinz, a International Meal Company (IMC), a Cargill, a Brazil Fast Food Corporation (BFFC), o Subway, a Intercontinental Hotels Group, a AccorHotels, o Marriott International, o Hilton Worldwide, o Giraffas, a Barilla, o Divino Fogão, o Habib’s, o Grupo CRM e a Bauducco também se comprometeram com a compra de ovos livres de gaiolas no Brasil.

Contato de mídia: Maria Fernanda Martin, mfmartin@hsi.org, +55 (11) 9 5770 9922