• Share to Facebook
    • Twitter
    • Email
    • Print

April 28, 2017

Casa do Pão de Queijo compromete-se a comprar apenas ovos livres de gaiolas

Humane Society International

  • David Paul Morris

O Grupo Casa do Pão de Queijo (CPQ) Brasil, maior empresa no setor de segmento de cafeteria no país e dono das marcas Casa do Pão de Queijo e O Melhor Bolo de Chocolate do Mundo, anunciou uma parceria com a Humane Society International, uma das maiores organizações de proteção animal do mundo, para ampliar seu compromisso com a responsabilidade social corporativa e o consumo responsável de sua cadeia de fornecimento ao comprar apenas ovos livres de gaiolas. A empresa, com cerca de 900 lojas no País, concluirá essa transição para ovos livres de gaiolas até 2025.

“Somos uma empresa socialmente responsável e estamos envolvidos em diversas iniciativas, incluindo a preservação da nossa mata nativa. Como utilizamos matérias-primas de origem animal na elaboração de nossos produtos, estamos comprometidos com a melhoria contínua do bem-estar animal em nossa cadeia de suprimentos, para fornecer os melhores alimentos aos nossos clientes”, afirma o presidente do Grupo CPQ Brasil, Alberto Carneiro Neto.

Fernanda Vieira, gerente de programas e políticas corporativas do departamento de proteção aos animais de produção da HSI no Brasil, disse: “Estamos orgulhosos de trabalhar com o Grupo CPQ e felicitamos a empresa por seu compromisso com o bem-estar animal. Essa é uma mensagem clara de que o futuro da produção de ovos no País é livre de gaiolas”.

Galinhas poedeiras são geralmente confinadas por toda a vida em gaiolas de arame – chamadas de gaiolas em bateria. Essas gaiolas são tão pequenas e superlotadas que os animais não podem sequer esticar suas asas completamente. Tanto o senso comum como a ciência concordam que imobilizar os animais por praticamente toda a vida causa angústia e dor física significativa.

O uso de gaiolas em bateria convencionais para galinhas poedeiras já foi proibido ou está em processo de eliminação em todos os estados membros da União Europeia, Nova Zelândia, Butão e cinco estados norte-americanos. A maioria dos estados da Índia, terceiro maior produtor mundial de ovos, declarou que o uso de gaiolas em bateria viola a legislação federal de bem-estar animal, e o país está discutindo uma proibição nacional.

O Grupo CPQ se une a outras empresas líderes no ramo de restaurantes no Brasil, incluindo a International Meal Company (IMC), Grupo Trigo, Brazil Fast Food Corporation (BFFC), Subway, Arcos Dorados (McDonald’s América Latina), Burger King, Giraffas e Habib’s. Outras empresas, como Compass Group (GRSA no Brasil), Sodexo, Grupo Bimbo, Unilever, Nestlé, Alsea, Cargill, Intercontinental Hotels Group, AccorHotels, Marriott International, Hilton Worldwide, também se comprometeram com a compra de ovos livres de gaiolas no Brasil.

Contato de mídia:
Fernanda Vieira, fvieira@hsi.org, 11 9 8905 3848

  • Sign Up
  • Take Action
Media Contact List2