• Share to Facebook
    • Twitter
    • Email
    • Print

September 16, 2011

Flexitarianismo: Repensar o Consumo de Carnes Não Precisa Ser "Tudo ou Nada"

Dê passos em direção a uma dieta mais saudável e consciente

Guia HSI para uma Alimentação sem Carne

  • David Sack/Getty

Para muitos, a idéia de fazer uma revisão de uma vida de hábitos alimentares pode ser intimidante. Nem todo mundo está disposto a fazer a transição entre comer carne todos os dias e, da noite para o dia, tornar-se vegetariano.

Mas esta reflexão não precisa ser do tipo "tudo ou nada. Independentemente de qual seja a sua motivação primária - proteger o meio ambiente, promover o bem-estar dos animais ou cuidar da saúde -, você pode dar um significativo primeiro passo tornando-se um "flexitariano". O termo mistura "flexível" e "vegetariano" para descrever aqueles que escolhem uma abordagem de evitar a carne numa parte do tempo.

"Um flexitariano acorda todos os dias tentando se tornar mais vegetariano", diz Dawn Jackson Blatner, porta-voz da Associação Dietética Americana e autor de A Dieta Flexitariana. "Não vai ser perfeito; a questão aqui é o progresso."

Ao promover a alimentação consciente, a HSI abraça a abordagem dos "Três Rs": reduzir o consumo de produtos de origem animal; refinar a dieta, evitando alimentos criados nos piores sistemas produção (por exemplo, a mudança para ovos produzidos sem gaiolas); e substituir (o R vem do inglês "replace") os produtos animais por alimentos à base de vegetais. Programas de sucesso como a Segunda sem Carne - adotada  por faculdades, estabelecimentos e municípios em todo o mundo- têm ajudado as pessoas a verem, um dia por semana, como a culinária vegetariana pode ser fácil e deliciosa. 

Seja qual for a sua abordagem, há uma abundância de receitas vegetarianas saborosas e fáceis. Existem também maneiras fáceis de substituir os laticínios e ovos das suas receitas favoritas com ingredientes à base de vegetais. Confira nossas receitas sem carne vindas da China, da Índia, da América Latina e de outras regiões, bem como o Guia HSI para uma Alimentação sem Carne, para mais dicas sobre a alimentação humana.

Traduzido com a colaboração de Aline Alegria

  • Sign Up

    Coloque aqui seu nome e e-mail e fique por dentro das notícias!

  • Take Action